MINI DICIONÁRIO DE TUPI-GUARANI - LETRA P



 








Pá: tudo.
Paba: terminar, concluir; morrer; o fim.
Paca: de o que é vivo, ágil. nome do roedor.
Paca: esperto, vivo, vivaz, alerta.
Pacaquara: vem de furna, toca de paca.
Paçoca: de bolo esmigalhado a mão.
Pacu: de rápido no comer.
Pacupiba: de o pacu chato.
Paem: tudo.
Pagaré: de bando de pacas.
Pagé: feiticeiro, sacerdote, líder espiritual.
Pagoré: Veja pagaré
Paina: de fruto en-trançado.
Paineira: Veja Paina.
Pajelança: Ação do feiticeiro índio que conserva o titulo nheengatu  pajé. Cerimonial do pajé para alcançar fórmulas   terapêuticas tradicionais por meio dos espíritos   encantados, de homens e animais.
Pamonha: de o visgo, o grude.
Pampeiro: de campo planície (vento sudoeste).
Panema: de coisa ruim.
Pangaré: de cor de pelo de cavalo.
Papanduva: de casca ru-gosa saltada.
Papaquara: de variedade de saira.
Papuan: de peixe redondo, a baleia.
Para - Do Tupi Paóra, “mar”, designagdo do braço direito do Amazonas,  engrossado pelas águas do Tocantins.
Pará: rio e também prefixo utilizado no nome de diversas plantas.
Parabiwa: madeira inconstante (variada).
Paracanã: tribo encontrada durante a construção hidrelétrica de  Tucuruí.
Paraíba: Do Tupi par’a, rio, e a’iba, ruim, impraticável.
Paraíba: rio ruim, rio que não se presta à navegação (imprestável).
Paraibuna: rio escuro e que não serve para navegar.
Paraiwa: Veja Paraíba.
Paraná: Do Guarani pa’ra “mar” e nã, semeihante, rio grande  semeihante ao mar.
Paraná: de onde se avista o mar.
Paranagua mirim: de Paraná de onde se avista o mar, guá vale,  entrada e mirim pequeno; pequena baia
Paranapiacaba: de para-nã-apiacaba donde se avista o mar nome pelo  qual era conhecida parte da Serra do mar , no sul.
Parati: de peixe branco.
Pariparoba: de junco todo amargo.
Paroba: Veja Peroba.
Parobé: de rio todo amargoso.
Pat: Tamanduá.
Pataxo-Hã-Hã-Hãe: Tribo indigena no sul da Bahia.
Patuá: de espécie de brebe ou breve De o que pertence a cama.
Pauá: tudo, muito (no sentido de grande extensão).
Pauetê nanbiquara: tribo da região do Mato Grosso (nanbiquara,  nhambiquara).
Pava: Veja Pauá
Pawa: Veja Pauá
Pê: a fim de…
Pe: no, no local, na, em. Exemplo: ocape, na casa.
Pé: vós. exemplo: pé saiçú, vós amais.
Peba: de chato, plano, também uma variedade de tatú.
Peperi guaçu: de rio de quedas grandes.
Peperi mirim: de rio de quebradas pequenas.
Pequiá: de casca tenra que abre.
Pereba: de ferida, cicatriz, a ferida com casca.
Perequê: de entrada de peixe.
Perereca: variedade de camarão
Perituba: de banhado brejo, o juncal.
Pernambuco: Do Tupi para’nã, rio caudaloso, e pu’ka, gerundio de pug, rebentar, estourar. Relativo ao furo, ou entrada,   formado pela junção dos rios Beberibe e Capibaribe;   de quebra-mar. (arrecifes).
Peró: Portugueses.
Peroba: de casca amarga.
Perudá: amor.
Peti: de casca.
Petim-buáb: Cachimbo.
Peua: peba.
Peva: peba.
Pewa: peba.
Pi: de caminho.
Pi: de miudo.
Piaçaba: de a travessia do caminho.
Piaga: Veja Pagé.
Piauí: Do Tupi pi’au, piau, nome generico de vários peixes  nordestinos. Piauí, rios dos piaus.
Picuman: de coisa comprida também pode ser fuligem.
Pigareva: Veja Pijarava (espécie de arraia).
Pijareva: de peixe manchado.
Pijirica: de peixe veloz.
Piná: palmeira fina e alta, da qual se extrai o palmito, típica da mata atlântica.
Pindabuna: de anzol preto.
Pindaiba: de pau de anzol.
Pindí: claro, limpo.
Pipoca: de a pele estalando.
Pipocar: de rebentar, estourar.
Piquira: de a pele tenra.
Pira: de Peixe.
Pirabeiraba: de peixe brilhante, reluzente.
Pirabeju: de peixe enroscado.
Piracanjuba: de peixe de cabeça amarela.
Piraguaçu: de peixe grande.
Pirai mirim De rio de peixe pequeno.
Pirai piranga: de rio do peixe vermelho.
Pirai: de rio do peixe.
Pirajubaé: de rio do peixe amarelo.
Pirama: de está próximo.
Piranha: de que corta a pele.
Pirão: de farinha de mandioca com água. De posto de molho.
Pirapitanga: de peixe Vermelho.
Pirapuan: Baleia (cetaceo).
Piraquera: de peixe gordo.
Piratini: de Peixe Seco.
Piri: de Peri o junco.
Pirituba: de lugar de muito junco ou juncal.
Pirongo: de catuto, cabaça .
Pitaguar: Veja Potiguar.
Pitanga: de vermelho.
Pitar: de fumar tabaco.
Pitiguar: Veja Potiguar.
Pito: de o cachimbo.
Pituna: noite.
Pó: mão.
Poçauna: de rede preta.
Pocema: Festas.
Ponga: o som ôco, retumbante.
Porã: bonito.
Pora: morador; habitante de…; gente.
Poranga: de bonito, Lindo.
Porangatu: bem bonito, belíssimo.
Poru: gente.
Potar: quero. Exemplos: itá a-i-potar, pedras eu as quero.
Poti: camarão.
Potiguar: indígena da região NE do Brasil.
Potiguara: Veja Potiguar.
Potiquequia: lagosta
Potira: flor.
Potitinga: de camarão Branco.
Potoca: de mentira, embuste.
Preá: de que mora no mato.
Prejibaé: Veja Pirajubaé.
Priminhó: de caça de peixe ou o salto do peixe.
Puã: redondo.
Puava: Veja Apuava.
Puba: de podre mole.
Puçá: armadilha para peixes e outros animais aquáticos.
Puçá: de rede de pesca para siri ou camarão.
Puçanga: mezinha, remédio caseiro ( receitado pelo pagé).
Puita: de espécie de tambor.
Puranga: Veja Poranga.
Putanga: Veja pitanga.
Putári: de querer, desejar (verbo).
Puxirum: de reunião de pessoas para serviços agrícolas.

Nenhum comentário:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

LIVRO:POVO DE ARUANDA VOL I, II e III


COMPRE EM ATÉ 12 x SEM JUROS



 POVO DE ARUANDA I, II e III

Clique na imagem e compre o livro!

Este é a união dos três volumes, que foram divididos apenas para ficar mais em conta cada volume, estes três volumes são o conteúdo deste Blog, clique na imagem e será direcionado onde o mesmo poderá ser adquirido.