Grafologia

A Grafologia como ciência é de origem relativamente recente, embora na realidade, o primeiro grafólogo, foi o primeiro homem que diante de determinada escrita, soube distinguir à quem pertencia, estabelecendo desta forma, intuitiva, certa ou ainda equivocadamente, uma relação entre a escrita e a pessoa que escreve, deduzindo então, qualidades desta através daquela.

Modernamente tem-se atribuído a Suetonio, Aristóteles e outros, vagas opiniões sobre a escrita como expoente de qualidades individuais.

É necessário avançar na história do desenvolvimento humano para se chegar a épocas nas quais a arte de escrever se populariza, como de fato ocorreu quando sob a decidida influência dos árabes.

A partir do Renascimento, a arte da escrita disseminou-se entre as pessoas cultas da época, surgindo daí, dados ferrenhos de ensaios grafológicos. As referências mais concretas obtidas,iniciaram-se por volta de 1659, e ao longo desse tempo até hoje, o número dos que prestaram uma efetiva contribuição ao conhecimento desta ciência, é considerável, tendo a Grafologia adquirido de uma vez por todas a categoria de autêntica disciplina científica.

O ato de escrever traduz-se por um movimento da mão proveniente de uma atividade motora do lado esquerdo do cérebro e essa realização é supervisionada pelos olhos.

O espaço da escrita é um símbolo: quem escreve sempre identifica sua posição atual mundo, com o ponto atingido pelo movimento de sua caneta.

À esquerda deste ponto, fica o passado, seu mundo individual e particular.À direita, fica o futuro, seus semelhantes e a sociedade.

Bruna Arias

Nenhum comentário:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

LIVRO:POVO DE ARUANDA VOL I, II e III


COMPRE EM ATÉ 12 x SEM JUROS



 POVO DE ARUANDA I, II e III

Clique na imagem e compre o livro!

Este é a união dos três volumes, que foram divididos apenas para ficar mais em conta cada volume, estes três volumes são o conteúdo deste Blog, clique na imagem e será direcionado onde o mesmo poderá ser adquirido.